The Hobbit - Tolken

Resenha: O Hobbit e Feliz 2015!

Finalmente estou postando o magnífico livro O Hobbit!!!

Após o encontro inesperado com Gandalf, Bilbo Bolseiro é visitado por Thorin e seu grupo de anões, que tem uma missão um tanto quanto surpreendente, que é a de recuperar a Montanha Solitária e um grande tesouro do dragão Smaug. Gandalf fornece um mapa que mostra a jornada a ser trilhada e que dará até a montanha. Dentro dessa proposta de resgate do tesouro, Gandalf propõe que Bilbo ajude os anões a recuperar a montanha e tudo que há nela, servindo ele mesmo como uma espécie de ladrão dessa jornada incrível. Os anões não gostam muito da ideia, mas o hobbit, indignado, junta-se a eles mesmo sem querer. O grupo parte com destino às terras selvagens, onde Bilbo e Gandalf salvam a companhia de um grupo de trolls. Este último os leva à Rivendell, onde Elrond revela os segredos do mapa que Thorin possui para a entrada secreta de Erebor. Passando por cima das Montanhas Sombrias, eles são capturados por goblins e conduzidos ao subterrâneo profundo.

Dragão no Ouro

Embora Gandalf consiga resgatá-los, Bilbo acaba separado dos demais no momento da fuga. Perdido nos túneis dos goblins, ele se depara com um misterioso anel e, em seguida, encontra Gollum, que o envolve em um jogo de charadas. Como recompensa por resolver todos os enigmas propostos, Gollum lhe mostraria o caminho para fora dos túneis; mas, se Bilbo não conseguir decifrá-los, sua vida se perderá. Com a ajuda do anel — que lhe confere invisibilidade —, Bilbo escapa e reencontra os anões, melhorando sua reputação junto a eles. Os orcs e os wargs ainda os perseguem, mas o grupo é salvo por águias antes de descansar na casa de Beorn.

Isso é apenas um pequeno inicio do que realmente eles passaram… Lógico que daqui pra frente não será possível descrever ser cometer spoiler. O livro é simplesmente brilhante e tem muitas complicações que deixam o leitor com aflição e louco para finalizá-lo. Foi a minha primeira experiência como leitor do J.R. R Tolkien e espero que em breve possa ler muito mais de suas obras…

Gandalf, o Branco e os hobbits

*Leitura Complementar:

O Hobbit

A trilogia dos filmes O Hobbit conta toda a história de Bilbo Bolseiro e seu papel na história por vezes perigosa, mas emocionante, pela terra média. Prólogo de O Senhor dos Anéis, a trilogia de O Hobbit situa-se 60 anos antes de Frodo embarcar em sua jornada épica. O uso das paisagens fantásticas da Nova Zelândia por Peter Jackson torna a fábula ainda mais encantadora.

Para criar os filmes O Hobbit: Uma jornada inesperada, O Hobbit: A desolação de Smaug e O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos, Peter Jackson usou um pouco do conteúdo do material adicional de J.R. R Tolkien. Esse material inclui observações complementares e apêndices publicados como conclusão do livro O Senhor dos Anéis: O retorno do rei, também de autoria do Tolkien. Cruzar esse território narrativo inexplorado permite que os espectadores entendam como essas criaturas de pés peludos passaram a existir.

Para Peter Jackson, a terra onde ele vive (seu país natal, a Nova Zelândia), oferece o cenário perfeito para produzir as adaptações para o cinema das trilogias de O Senhor dos Anéis e de O Hobbit. Após filmar todo O Senhor dos Anéis na Nova Zelândia, Jackson disse que não tinha motivos para procurar locais de filmagem para a trilogia de O Hobbit em outro país, sendo que a Nova Zelândia já era “a Middle-earth perfeita”.

As cenas dos filmes de O Hobbit e de O Senhor dos Anéis não são apenas relances passageiros de fantasia cinematográfica. Os locais retratam a realidade das paisagens espetaculares da Nova Zelândia, que os visitantes podem facilmente ver com seus próprios olhos.

O que é um hobbit?

Hobbits são descritos por J.R. R Tolkien como um povo antigo e descomplicado, que normalmente não ultrapassa um metro de altura. Raramente vestem sapatos, pois seus pés têm solas espessas com pelos grossos e enrolados. Eles têm medo do “Big Folk” e preferem o campo bem organizado e cultivado. Um típico hobbit é um indivíduo feliz que ama uma boa festa com muita comida. Shire é um dos lugares em Hobbiton no qual os hobbits da trilogia de O Senhor dos Anéis e de O Hobbit vivem.

Quando os filmes de O Hobbit foram e serão lançados?

O Hobbit: Uma jornada inesperada: 14 de dezembro de 2012
O Hobbit: A desolação de Smaug: 13 de dezembro de 2013
O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos: 11 de dezembro de 2014.

Espero que tenham gostado dessa pequena introdução e Ano que vem (tipo: amanhã) começará um ano cheio de leituras novas, novos encontros de postagens e grandes emoções a serem vividas… Obrigado por todos que de certa forma tiraram um tempinho e se dedicaram a ler meus posts… Obrigado!!!

*créditos para: http://www.newzealand.com/br/feature/the-hobbit-and-lord-of-the-rings/

Feliz 2015!

2 pensamentos sobre “Resenha: O Hobbit e Feliz 2015!

  1. Ainda não li, mas agora minha vontade triplicou, principalmente porque sei que Tolkien é genial e era amigo do maravilhoso C. S. Lewis *-*
    Aproveito para convidá-lo a conhecer meu novo blog: https://oblogdabah.wordpress.com/
    Tem resenhas e críticas de um jeito que você nunca viu 😉 Dá uma passadinha lá e, se gostar, siga aqui e nas redes sociais que farei o mesmo. Beijinhos!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s